«Lisboa, cidade turística, está no topo de preferências em várias motivações turísticas distintas nos últimos anos, e "tem o necessário para se comparar a Milão ou Amesterdão", mas precisa de subir o preço médio em 50%.

A opinião é de Eduardo Abreu, sócio da neoturis, que falava durante a Semana da Reabilitação Urbana de Lisboa na última 6.ª-feira na conferência "Lisboa na competição da cidades internacionais". Segundo este especialista, a subida do preço médio é necessária (...). Estamos na 2.ª divisão das cidades europeias (...). No entanto, "precisamos de captar bandeiras hoteleiras de luxo, que conseguem fazer os preços subir."»

Leia mais em: Lisboa "tem o que é necessário" para se comparar a Milão ou Amesterdão